Seja você!

Foto: We Heart It
De vez em quando a gente guarda. Faz que aguenta, fica quieta e vai seguindo. Vez em quando isso dá errado. Aí, a gente transborda. Nunca achei que seria tão complicado colocar certas palavras no papel, mas aí eu também descobri que é normal. Não são as palavras, são os sentimentos. Vez aqui, vez ali você chora, porque não aguenta mais. E aí ninguém entende. Mas você sabe o porque disso. E sabe que precisa mudar também. Sabe que não dá mais pra ser assim, porque principalmente você não aguenta mais isso - pouco nos importa as outras pessoas agora.

Quando isso acontece, todo mundo vem querendo dar opinião. Ninguém sabe da sua vida, ninguém sabe o que aconteceu. Mesmo se todos soubessem, a intensidade do que a gente sente quem sabe somos nós. Você também acha desesperador ver um tanto de gente dando opinião em coisa que você não quer nem saber?

Às vezes a gente precisa de conselho, mas as vezes um dia sozinha nos basta. E isso não é grave, não é necessário mais nada. É só você com você mesma. Só isso e está tudo bem. Acontece que não adianta tampar o sol com a peneira também. Você sabe que não adianta. Chega uma hora que é preciso movimentar algumas coisas. É hora de deixar a luz do sol entrar, abrir a janela, sacudir a poeira. Nessa fase é comum recusar abraço. Eu recuso. Qual o problema? Não quero abraçar alguém sabendo que posso desabar a qualquer momento. 

A gente percebe que as vezes é só uma questão de saber enxergar. Sabe aquela época que a gente decide colocar tudo no lugar? É hora de fazer isso, só que por dentro. Não é fácil, mas é necessário. Um autor bem famoso já diz isso a anos: limpe tudo, sacuda a poeira. Jogue fora o que for velho. Reorganize as lembranças. Redefina as prioridades. Cada coisa no seu lugar. 

Um item ali, um papel jogado fora aqui, um livro empilhado acolá e a renovação vem. As cores voltam a surgir, os abraços tornam-se gostosos novamente e a vida ganha um novo sentido. Não importa onde você esteja e o que você se parece. Permita-se ser única para si mesma. A criação  de um 'novo eu' começa profundamente por você mesma. Inspire-se e dê à sua vida o impulso extra que você precisa. Então, brilhe mais e seja você. 

Estamos aqui umas com as outras. Pelas outras. ♥

Postar um comentário

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados à Dreisse Drielle. Layout feito com por Odd