Amar não tem que ser difícil

8 de agosto de 2017

Imagem: We Heart It
O amor não pode pesar. Não pode ser complicado, doloroso ou causar sofrimento. Precisa ser fácil. E eu sei que você sabe disso. Eu também sei, confesso. Vira e mexe esqueço, assumo. Mas é que para amar a gente não tem que se esforçar demais. É simples assim.

Amar o outro não tem que precisar de choro. Brigas. Sermões. Ceder sempre. Precisa ser fácil. Precisa ser de graça. Precisa ser livre de todas as amarras que a gente coloca no meio do caminho. Transbordar amor, amar alguém depende de quão leve a gente consegue fazer ser esse processo de doação. E isso não tem que ser difícil.

A maturidade me ensinou que amor não precisa nem deixar frio na barriga de ansiedade. Isso é coisa de paixão. Amor é segurança. Confiança. Tranquilidade. E se alguma dessas palavras não fazem parte do seu amor, então não tem mesmo como ser fácil. Para amar não precisa de muito. 

Um punhado de sentimentos bons, a certeza de um amor tranquilo, uma dose de dedicação, mais um tanto de amor próprio e amar será uma das poucas coisas sem dificuldades da sua vida. E, moça, se dói, você precisa rever isso. Amar não tem que ser difícil.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada!