Não se deixe enganar

15 de outubro de 2015

Foto: We Heart It
Amiga, vamos conversar. Odeio ter que tirar esse sorriso lindo do seu rosto ou interromper sua felicidade de anos, mas eu queria que você sentasse aqui e me escutasse com calma. É complicado, é doloroso, mas você é capaz de superar. Não tenha dúvidas disso. Faço rodeios enquanto penso qual a melhor maneira de te contar que quem você mais ama, não te ama tanto assim. 

É que casamento nem sempre é uma via de mão dupla. Nem sempre é amor, confiança e, principalmente, respeito na mesma quantidade. É que o seu casamento não é perfeito. E o de ninguém é, na verdade, e a gente bem sabe disso. Mas olhando de fora, vejo que tem faltado o básico nessa sua vida à dois: respeito. E para mim, é isso que falta quando alguém não cumpre a promessa de viver um pelo outro.

Amiga, longe de mim julgar. Não vivo debaixo do seu teto, não sei o que você passou para chegar até aqui, mas sei do é capaz de viver daqui para frente. Sei que é capaz de levantar a cabeça, mudar de vida e deixar esse tipo de homem para traz. Mulher nenhuma merece ter o coração partido pela infeliz pessoa que escolheu para viver. Mulher nenhuma merece ser traída. E se você está sendo, minha amiga, eu desejo que você siga em frente. 

Odeio ter que tirar esse sorriso do seu rosto. Não quero ter que passar por vítima e muito menos por cruel nessa história. Estou só aqui em nome da compaixão feminina e só desejo de ver esse sorriso sincero merecidamente. Você não precisa viver esse tipo de coisa. Nem por você, nem pelos seus filhos. Muito menos em nome desse amor. Aliás, você tem certeza que é esse o sentimento? Sair da zona de conforto é muito bom, às vezes. E acho que você deveria tentar. 

Amiga, eu não estou te julgando. Não julgo você, não julgo sua vida e nem nada do que está vivendo. Eu só odeio ter que tirar esse sorriso do seu rosto, mas acredite em mim: essa dor também acaba. Assim como o amor que ele sentia por você também acabou. Não fique por comodismo. Siga em frente. A vida te espera. 

A escolha é sua. 

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada!