Livros para ler até o fim do ano

30 de setembro de 2014

Foto: Reprodução
Não me lembro a última vez que li tão pouco em um ano. E agora, em setembro, me arrependo amargamente por isso. Para amenizar a situação, resolvi separar seis livros para ler até o fim do ano. Trouxe quase todos da Bienal do Livro de São Paulo, que aconteceu no mês passado, e vocês vão poder conferir também, para cada um, uma resenha aqui no blog. A maioria, como devem saber, não é um lançamento recente, mas todos ainda valem a leitura.
Imagem: Reprodução/Montagem
1) Minha vez de brilhar – Erin E. Moulton (#irado)

“Em uma noite, Indie faz um pedido para uma estrela. Ela quer muito reencontrar a sua lagosta de estimação, e também quer que sua irmã Bibi volte a gostar dela. Mas ter os seus desejos realizados pode exigir dedicação integral! Indie trabalha no teatro durante o dia, mostrando a Bibi e seus amigos o quanto ela pode ser útil. À noite, ela procura sua lagosta perdida, e para isso conta com a ajuda de seu novo grande amigo, Owen. Tudo vai bem até que Bibi e sua turma começam a pegar no pé de Owen, o maior exemplo de nerd e futuro loser. Será que Indie vai conseguir manter em segredo sua amizade com Owen? Será que, para ser uma pessoa melhor, Indie precisa mesmo ser diferente?”

Sabe aquele livro que você compra pela capa? É esse. Adorei a capa do livro assim que a vi e confesso que só li sobre o que falava depois de comprado.


2) Claro sinais de loucura – Karen Harrington (Editora Intrínseca)

“Você nunca conheceu ninguém como Sarah Nelson. Enquanto a maioria dos amigos adora Harry Potter, ela passa o tempo escrevendo cartas para Atticus Finch, o advogado de O sol é para todos. Coleciona palavras-problema em um diário, tem uma planta como melhor amiga e vive tentando achar em si mesma sinais de que está ficando louca. Não é à toa: a mãe tentou afogá-la e ao irmão quando eles tinham apenas dois anos, e desde então mora em uma instituição psiquiátrica. O pai, professor, tornou-se alcoólatra.
Com a chegada do verão em que completa doze anos, ela está cada vez mais apreensiva. Mas a vida não pode ser só de preocupações, e, entre uma descoberta e outra, Sarah vai perceber que seu verão tem tudo para ser muito mais. Bem como seu futuro.”

Outro que me conquistou pela capa e por como ele fala de loucura e amor. Li este antes mesmo de terminar de escrever esse post. Não vou dizer mais nada se não vou entregar todo o meu amor por esse livro. Ops.

3) Era uma vez um corredor – John L. Parker Jr. (Editora Intrínseca)

“Era Uma Vez Um Corredor acompanha a trajetória de um atleta em meio a suas paixões, seus dilemas e sua determinação de vencer. Quenton Cassidy, atleta da Southeastern University, sonha percorrer uma milha em quatro minutos. Quando está prestes a atingir sua meta, porém, a agitação política e cultural provocada pela guerra do Vietnã chega ao pacato departamento de atletismo de sua universidade, mudando de forma repentina o rumo de sua vida, ao se envolver em um protesto organizado pelos colegas, Cassidy é suspenso da equipe de atletismo.
Cassidy abre mão daquilo que seria seu futuro e incluía uma bolsa de estudos e a namorada, para se entregar a um refúgio monástico no campo. Lá, começa a treinar para a competição de sua vida, uma disputa de igual para igual com o maior nome da história das corridas de uma milha.”

Esse foi o único que não trouxe da Bienal. Já comecei a ler umas duas vezes, mas acabava abandonando no caminho. Parece ser um livro interessante exatamente por falar da paixão pelo esporte e a superação. Estou ansiosa para recomeçar a ler.

4) Diários de Aventuras da Ellie – Ruth McNally Barshaw (Editora Ciranda Cultural)

“Quando os pais da Ellie vão viajar, ela é obrigada a acampar com sua tia, seu tio, seus primos e seu irmãozinho Ben-Ben. Ela sabe lidar com pernilongos e reconhecer plantas venenosas, mas dividir uma cabana com seus parentes irritantes? De jeito nenhum! Entre as regras duras de sua tia e as brincadeiras sem graça de seu primo Eric, Ellie precisa de seu diário para sobreviver a essas férias em família!”

Quando folheei o livro na Bienal, confesso que ele me ganhou pelas ilustrações que estão dentro. Eu amo livro ilustrado! E, além disso, história de Ellie parece ser bem engraçada.

5) Vida Organizada – Thais Godinho (Editora Gente)

“Em seu primeiro livro, Thais Godinho mostra ao leitor as melhores maneiras de organizar a rotina e a vida. Embora a palavra “organização” pareça estar ligada a uma realidade utópica, com as instruções da autora, viver em paz com as coisas no lugar ficará surpreendentemente fácil.
O livro aborda a organização da casa, do trabalho e de todos os itens fundamentais para deixar o dia a dia mais tranquilo e, principalmente, para que o leitor possa ter muito mais tempo para a família e o lazer.”

Já acompanho a Thais no blog e comprei o livro porque ter todas as ideias de organização reunidas em um só livro me agradou mais que qualquer coisa. Esse eu já estou quase terminando e, apesar de já aplicar muita coisa na minha vida, o livro tem me ajudado muito. Em breve eu conto mais!

6) O começo de tudo - Robyn Schneider (Editora Novo Conceito)

“O garoto de ouro Ezra Faulkner acredita que todo mundo tem uma tragédia esperando ali na esquina – um encontro fatal depois do qual tudo o que realmente importa vai acontecer. Sua tragédia particular esperou até que ele estivesse preparado para perder tudo de uma vez: em uma noite espetacular, um motorista imprudente acabou com a perna de Ezra, com sua carreira no esporte e com sua vida social.  Ezra agora almoça na mesa dos losers, onde conhece Cassidy Thorpe. Juntos, Ezra e Cassidy descobrem flash mobs, tesouros enterrados e um poodle que talvez seja a reencarnação do Grande Gatsby. Agora, ele precisa considerar: se uma tragédia já o atingiu, o que poderá acontecer se houver mais infortúnios?”

Quando comprei esse, também foi pela capa. Mas me encantei com o assunto do livro. Com certeza é o próximo que vou ler.

Livro bônus: Fora de mim – Martha Medeiros (Editora Objetiva)
Foto: Reprodução
“Recém-separada de um casamento longo e pacífico, a protagonista se apaixona loucamente, embora não cegamente, por um outro homem, de personalidade conturbada, com quem vive uma intensa paixão. Consciente do mergulho, a mulher pressente que no fundo daquela relação só acabaria encontrando a escuridão da dor. Mesmo assim, dá o salto. E perde. A entrega é um vício sem saída.”

Como eu amo esse livro! Antigo, porém lindo. Já li, no mínimo, umas seis vezes e sempre que quero esquecer completamente de tudo, eu mergulho nessa história linda da Martha Medeiros. É perfeito para aqueles momentos de tristeza profunda (caso queira mesmo se render ao choro) ou simplesmente para esquecer todo o resto.

Assim que for lendo, trago resenha de todos. Você já leu algum desses livros? Me conta o que achou!

Amando por dois!

23 de setembro de 2014

Imagem: Reprodução/We Heart It
Eu sempre conversei mentalmente com você durante todos esses anos. Anos os quais você recusava nosso diálogo educadamente enquanto eu amava por dois. Você não faz ideia do quanto isso dói! Triste mesmo é saber que eu depositei toda ilusão de uma vida em um banco onde você nunca sequer quis ter o acesso. E eu lastimavelmente descobri isso tão tarde que nem pude demonstrar e te devolver na mesma moeda cada centavo desse sofrimento. Estive tão apática com você por um tempo que tive a leve impressão que você poderia ter mudado. Não por mim, claro! Isso você nunca faria simplesmente porque eu nunca mereci.

Sigilosamente, eu ainda considero minha a culpa que nos fez ficar tão distantes. Ok, eu posso assumir: pouca parte é sua... Ou nossa como preferir. Reconheço a condição que me encontro e sei que é um erro permanecer assim. Sabe o que eu não reconheço mais? Você! Onde foi para aquele sujeito que me mandava mensagens de madrugada só para dizer que a 10min atrás havia sonhado comigo, hein? Diga-me onde foi e traga-o de volta. Aliás, não sei se estou pronta para outra dose de amor. Ainda mais, vindo de você.

Se você ainda não sabe, eu entrei em descompasso comigo mesma e com o resto do mundo. Provavelmente você não saiba o que isso quer dizer, mas se soubesse, sei que estaria ao meu lado segurando minhas mãos. Nunca entendi sua falta de sensibilidade e agora eu nem sei se tenho forças para tentar entender. Por fim, desejo de todo coração que você consiga alguém suficientemente cruel que te ensine o poder por trás do “amar por dois”. Porque eu, meu bem, cansei!

Layout novo e novidades, finalmente!

21 de setembro de 2014

Imagem: Reprodução/We Heart It
Depois de quatro anos, enfim novidades. Depois de quatro, enfim eu vi o quanto isso aqui é importante para mim. Depois de quatro anos recebendo a visita de vocês, algumas mudanças aconteceram e as novidades, finalmente, chegaram. Esse projeto de um blog completamente novo faz parte de mim há muito tempo. Até criei outro (alguém aí leu o Like a Classic?), mas nada disso acabou funcionando. Então, eu vi que poderia juntar tudo que mais gosto aqui também.

A partir de agora, além de postagens com uma frequência bem maior, textos dramáticos e de amor que eu tanto gosto, vocês vão poder acompanhar também algumas resenhas de livros, um pouco mais sobre fotografia (arte que tem me deixado encantada cada dia mais), música e muito mais.

Repararam também no layout lindo e novo em folha só para a gente? Estou completamente apaixonada! Foi a Emily do Chave Criativa que fez e ficou incrível! Tem um pouquinho de mim em cada detalhe.  E ah, vocês também podem colaborar ainda mais com o blog, sabiam? Deixei um formulário prontinho para que eu possa conhecer vocês cada vez mais e melhor. Me ajuda? É só clicar aqui.

E aí? O que vocês acharam da mudança? Conta para mim!

Beijos e sejam bem vindos novamente!

Pausa para novidades

11 de setembro de 2014

Olá, pessoal!

Quem me acompanha aqui sabe que o blog já passou por algumas pausas. Geralmente, elas aconteciam porque eu me sentia mal ou não tinha muito tempo para atualizar o blog. Dessa vez, a pausa é para um motivo diferente! O blog (finalmente) vai passar por umas reformas e voltará cheio de novidades. Para que eu consiga organizar tudo, farei uma pausa de duas semanas. Enquanto isso, vou arrumando alguns detalhes, trabalhando no novo layout (sim, vem aí um layout lindo para vocês!) e preparando com o maior amor todas as novidades que virão pela frente!

Como vocês também bem me conhecem, não consegui guardar todas as novidades e uma delas (a mais simples e também importante para essa nova fase) vocês já podem ver: o blog agora é .COM.BR (percebeu lá em cima na barra de navegação?)

No mais, é só isso que posso contar ainda! Uma coisa eu garanto: aguardem e confiem! E, ah! Enquanto o blog fica nesse tempinho de pausa, eu preparei um formulário para que eu possa conhecer vocês cada vez mais e para que eu consiga trazer o novo conteúdo com a qualidade que vocês merecem. Será que vocês podem me ajudar? Prometo que não leva mais que cinco minutos!




Muito obrigada! E aguardem que, em breve, eu estou de volta.