E que em 2013...

30 de dezembro de 2012


Que em 2013, eu não perca o brilho dos olhos mesmo sabendo que o sol pode não brilhar tanto assim mais. Que eu aprenda a não esperar nada das pessoas, mas dê o máximo de mim sempre que quiser conquistar algo. Que não me falte sorrisos, histórias, abraços e amigos. Que não me falte amor. Que me sobre ternura para lidar com as situações, sabedoria para os problemas e leveza para conduzir a vida.

Desejo que em 2013, o mundo saiba amar mais. Que as pessoas deixem de criar mais laços virtuais e criem laços reais. Que as palavras de amor não sejam postadas em qualquer rede social, mas sim faladas ou escritas com todo carinho. Que haja menos indiretas e mais abraços.

Que em 2013, eu seja paciente o suficiente para entender que certas coisas acontecem quando tem que acontecer e que acelerar o tempo é impossível. Que em 2013 eu olhe para 2012 e lembre tudo que ele me ensinou. Que eu saiba olhar para trás, aceitar o passado, reconhecer os erros e continuar. Que 2013 me traga sim notícias ruins, mas que sejam seguidas de algo bom.

Que não nos falte felicidade. Que não nos falte prosperidade. Que não nos falte companhia. Que não nos falte o perdão. E, mais uma vez, que não nos falte amor. Que eu não deseje hipocritamente que 2013 seja um ano melhor. Que eu saiba ser melhor e, conseqüentemente, fazer do meu ano um só motivo feliz.

Feliz ano novo para todos vocês. 

2 comentários:

  1. Luv ♥
    http://ghislleibr.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Gostei dos seus textos, estou apaixonada por eles, li muitos .. *-*

    ResponderExcluir

Obrigada!