Prometo que não vai se arrepender

19 de janeiro de 2011


E aquelas foram palavras daquelas que a gente fala só uma vez e não sabe o que dizer mais. Daquelas que uma vez que já foram ditas, já basta para serem compreendidas e não necessitam de complementos ou repetições. Da mesma forma que meu sentimento, assim que dito uma só vez não precisa ser recontado, mas nem pense que é porque ele nunca muda. Não é isso, não precisa ser repetido simplesmente porque meus olhos já dizem tudo que necessitamos saber.

Da mesma forma que aquelas fotos deduzem algo que nem sequer existe, meus olhos deduzem muita coisa. E eu sei que tudo não vai passar de fotografias e comentários, mesmo que minha alma retorça para que aconteça o contrário. Pois bem, são fotos, deduções, momentos e palavras que mesmo sem necessidade se repetem a cada momento e transparecem algo completamente errado.

Quer realmente algo verdadeiro? Acredite no que eu digo, olhe nos meus olhos e me deixe caminhar junto com você. Prometo que não vai se arrepender.

2 comentários:

  1. Nos arrependemos quando queremos.

    Flores!

    ResponderExcluir
  2. Olhos nos entregam na maioria das vezes; e há algo que me vem à mente: Se não sabes ler o que está escrito em meus olhos, não és digno da atenção deles.
    São tantas as pessoas que me conhecem só com o olhar... Enfim, xx.

    ResponderExcluir

Obrigada!